Escolhendo o forno de embutir.

01/12 2015

Forno

Quando estamos com a obra em andamento, já precisamos definir algumas coisas e uma delas é o forno da cozinha. Se você preferir um forno á gás é necessário deixar uma tubulação exclusiva para ele, nada de fazer adaptações com a tubulação destinada ao fogão. O mesmo vale para os fornos elétricos, o ideal é que seja feita uma instalação exclusiva com um disjuntor destinado só para ele.

Mas aí você me pergunta: qual é melhor, a gás ou elétrico?

Isto é muito pessoal, mas existem algumas características que podem te ajudar a decidir.

O forno elétrico demora mais á aquecer e também para perder calor quando desligado, gasta mais energia elétrica, porém o processo de cozimento acontece mais uniformemente. O prato ficará assado igualmente em todas as partes.

O forno á gás consome pouca energia elétrica, aquece e resfria mais rápido, porém o processo de assar não é tão homogêneo quanto no forno elétrico.

Vamos lá, escolhido o tipo de alimentação de fonte de calor, vamos á capacidade. Avalie qual sua real necessidade para definir o tamanho do forno. Lembre-se dos refratários que você tem em sua casa e se eles vão caber no forno.

As medidas também são muito importantes, na descrição técnica do forno existe uma medida denominada “nicho” elas que vão determinar se o forno caberá no espaço entre a base e a saia se for instalar sob o cook top ou ainda as medidas para a torre de fornos.

Outra dica interessante é a escolha por modelos autolimpantes, pois como eles aquecem até em média 470º para fazer o processo de limpeza, possuem um isolamento térmico ainda maior que os outros. Assim a perda de calor para o ambiente é menor.

Lógico que a aparência do produto conta muito, mas precisamos aliar beleza com funcionalidade!

Beijos e até a próxima!

rufipng2.11

Foto 01: http://minhanovacasinha.blogspot.com/2013/02/forno-gas-ou-eletrico.html

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Facebook

Instagram