“Já que”: o terror dos orçamentos.

24/11 2015

reforma-1024x768

Quem ainda não ouviu essa expressão, vai se entender direitinho o que é, a partir dos exemplos abaixo:

Já que estou trocando o piso da sala e cozinha, vou trocar do resto da casa.

Já que vou reformar o quarto, por que não transformá-lo em uma suíte?

Já que vou fazer banheiro em um quarto, porque não fazer no outro?

E assim o orçamento vai extrapolando e o projeto vai perdendo a funcionalidade inicial.

Neste exemplos acima, se sua vontade sempre foi transformar todos os quartos em suíte, já deixe isto previsto no projeto e faça em outra etapa. Assim você não gasta mais do que o previsto e a obra ficará integrada sem aquele ar de “puxadinho”.

Sei que a reforma na casa e a ideia de mudança, nos deixa com uma grande empolgação, mas não se esqueça de fazer as contas certinhas com relação ao orçamento.

Então pense direitinho e na hora que o “Jaquê” aparecer… se controle! rsrsr

Beijos e até a próxima!

rufipng2.11

Foto 01: http://www.jornaldocidadao.com.br/blog/construindo-ideias/

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Facebook

Instagram